Rótulos que não fiz…(3)

Dizem por ai que mulher de verdade é aquela que busca cerveja na geladeira sem reclamar. A minha vai além, passa no mercado e compra. E olha só os presentinhos que ela me trouxe desta vez!
Dois lindos rótulos, o primeiro, já conhecido é o da Holandesa Amstel Pulse, um rótulo que resume perfeitamente a tendência “no label look”, minimalista porém bem objetivo. Destaco também a tampinha da garrafa, totalmente diferente do que vemos por ai, ela vem com uma espécie de abridor embutido, algo prático e de fácil manuseio. Confesso que com minhas mãos de desenhista, tenho alguma dificuldade com a abertura das long necks tradicionais, sempre recorro à barra da camisa.

A outra é a Basement Gold Ale, uma cerveja nacional com cara de gringa. Produzida em Santa Catarina, na cidade de Videira, essa cerveja utiliza garrafas de espumante, e são arrolhadas com cortiça. Eu gosto muito disso, fugir do lugar comum. O rótulo em si é demais, além de um desenho bastante sugestivo, com vários detalhes, conta a história da cerveja, não só com o desenho, mas com um texto explicativo. Como eu sempre digo, cada cerveja tem que contar sua história, e a Basement conta. A única ressalva que eu faço é que o rótulo ficou um pouco fora de proporção em relação à garrafa, o que causa um “enrrugamento” na parte superior, junto à curvatura da garrafa. Detalhe que não estraga o contexto geral. Pena que não achei nenhuma foto decente dela no Google.

Tags: , ,

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: